segunda-feira, 26 de fevereiro de 2007

A ilha das Flores no "You Tube"... (I)

No «Rocha dos Bordões» já havíamos divulgado alguns [1, 2, 3] vídeos relativos à ilha das Flores que encontráramos no You Tube.

Numa simples e breve pesquisa que fizemos, encontramos no «You Tube» mais este vídeo [acima], desta vez um pequeno "filme" que é um compacto de sequenciação de fotografias da nossa ilha, intitulado «Memories 2003 (to Lisa) - Flores 2003, fotografias tiradas pela Lisa» e da autoria de "madbcc" [que desconhecemos quem seja].
Saudações florentinas!!

2 comentários:

Gilberto Alves disse...

Esta pequena sequência de fotografias é uma boa síntese de alguns aspectos que constituem a força e a singularidade da ilha das Flores. Aspectos que estão ameaçados por perspectivas de desenvolvimento que, no meu parecer, não reconhecem o potencial, não só económico como de constituição de uma identidade cultural própria, das particularidades de estar na periferia da Europa e a meio caminho das Américas. Considero também que, embora o turismo seja um bom indicador de desenvolvimento económico e social, existem outras dimensões de desenvolvimento igualmente importantes.
É notável o crescimento de novas infra-estruturas de alguns dos mais importantes serviços da ilha nos últimos anos, como na área dos transportes, da justiça e do desporto, mas, na minha opinião, o crescimento não se faz só com construção de novos equipamentos, mas fundamentalmente, com o crescimento e desenvolvimento das pessoas. São elas a maior riqueza da ilha e é com elas que se constrói um desenvolvimento sustentável e integrado. Por isso os números do último senso são bastante alarmantes, a desertificação da ilha é uma possibilidade a médio prazo. Ou transformação de um sistema social complexo numa espécie de aldeia histórica para turista ver. Eu, na minha ignorância, não vejo que a aposta nas pessoas, em termos económicos, se aproxime das verbas investidas em novas e florescentes construções.

Benny Goodman disse...

Está muito bem conseguido o filme... é frequente encontrar fotos e outro material destes nossos visitantes, sinal de que a visita foi do agrado...